Câmara Municipal de Barreiras concede Título de Cidadão Barreirense ao Desembargador Eserval Rocha

sessao-24-04

Na última quarta-feira (27/04) a Câmara Municipal de Barreiras em Sessão Solene concedeu o Título de Cidadão Barreirenseao Desembargador Eserval Rocha, como fruto do reconhecimento de sua trajetória profissional desempenhada em Barreiras e Oeste Baiano.

A solenidade contou com a presença de um grande público de desembargadores, juízes, autoridades civis e militares, familiares e amigos do homenageado, bem como de vários vereadores e do vice-prefeito Paê Barbosa, para prestigiá-lo.

No início da sessão, ao destacar os feitos do Desembargador Eserval Rocha, através de seu imenso currículo, o cerimonialista enfatizou o engrandecimento que Barreiras e região têm com a sua presença. Por sua sensibilidade social e comprometimento com a dignidade do povo da região oeste e de modo especial com a população de Barreiras.

O presidente da Casa Legislativa, vereador Tito, destacou em seu pronunciamento que a proposição da homenagem ao Dr. Eserval foi proposta com muito carinho e reconhecimento. “Essa concessão muito nos honra, pois homenageamos um homem digno, cuja atuação como servidor e presidente da corte máxima do judiciário baiano, marcou de maneira honrosa nossa população e todo oeste da Bahia. É notório o seu empenho em promover aos barreirenses e oestinos uma melhor prestação jurisdicional, principalmente no que se refere ao visível esforço na criação e instalação da Câmara do Oeste e do novo Fórum em Barreiras”. Disse o presidente Tito.

Em seu discurso, o Desembargador Eserval Rocha agradeceu a Câmara pela honrosa homenagem e falou sobre alguns pontos de sua ação judiciária na região oeste, de modo especial a instalação da Câmara do Oeste, realizada no dia 03 de fevereiro de 2015. O Juiz Eserval recorreu a sua fala usada no momento da instalação da Câmara do Oeste e pontuou algumas passagens de grande relevância. “A instalação da Câmara reveste-se de uma importância cívica singular”. Disse o Desembargador.

Citando a pesquisa histórica para contextualizar a importância da criação da Câmara, falou ainda do isolamento da Região Oeste quando pertencia a Pernambuco e que a criação da Câmara do Oeste representava o reconhecimento da força que tem a região com sua importância econômica e da dívida social com o povo do oeste, bem como da descentralização do judiciário de Salvador e do recôncavo.

Após o pronunciamento dos vereadores, o presidente Tito encerrou a sessão estendendo os agradecimentos aos presentes na solenidade, aos radiouvintes e aos telespectadores da TV Câmara de Barreiras Canal 4.1, que acompanham os trabalhos do Legislativo.

Ascom – Câmara Municipal de Barreiras

  • Compartilhe: