Associação dos Médicos da Região Oeste da Bahia torna-se de Utilidade Pública

Durante sessão realizada nesta terça-feira, 16, os vereadores de Barreiras aprovaram por unanimidade o projeto de Lei Ordinária nº 008/2018, que torna de Utilidade Pública a Associação dos Médicos da Região Oeste da Bahia, de autoria da vereadora Graça Melo, que desta forma contribui diretamente para o fortalecimento da Associação, composta por 40 profissionais das mais diversas especialidades.

A Associação tem a finalidade de promover o crescimento da classe médica, transpondo conhecimento para a população e oferecendo serviços com preços acessíveis. Atualmente 10 mil pessoas estão cadastradas e conseguem descontos de até 60 por cento em consultas, exames e cirurgias. Isto para facilitar o aceso à saúde já que a maioria depende do Sistema Único.

“Com a concessão do Título de Utilidade Pública teremos condições de expandir a nossa atuação. Os vereadores entenderam a importância do trabalho não só para Barreiras como também para a região. A população precisa dessa abrangência para que possa ter melhor bem estar em termos de saúde”, afirmou o presidente Ricardo Mesquita.

A Associação dos Médicos da Região Oeste da Bahia também trabalha com projeto social que faz parte do MEDSAÚDE, com a oferta de atendimentos gratuitos junto com outras instituições. A Caravana da Cidadania, realizada em Barreiras já na 4ª Edição é um dos exemplos. Patrocinar simpósios, estruturas para congressos e cursos via CREMEB, fazem parte dos planos da diretoria.

“Agradeço aos meus colegas vereadores pela aprovação do projeto. É importante a sociedade saber o quanto esta Associação, tão pequena, tão nova, mas o quanto já contribuiu para o povo barreirense. Através deste Título, com este reconhecimento, nós poderemos firmar convênios com a prefeitura de Barreiras, e teremos condições de levar as ações para as comunidades mais carentes. Com certeza hoje esta Casa mais uma vez está prestando Ação Social para o povo através da nossa Associação. Quem ganha com este Título é a sociedade ”, disse a vereadora Graça Melo.

  • Compartilhe: